Prefeitura de BH vai distribuir cestas básicas para feirantes e mulheres com medidas protetivas

A prefeitura de Belo Horizonte anunciou que a partir deste mês, feirantes da capital e mulheres que tem medidas protetivas desde 2019, vão passar a receber as cestas básicas como forma de auxílio durante a pandemia do coronavírus. 

Serão beneficiados cerca de dois mil feirantes da Feira de Arte e Artesanato da Afonso Pena, da Feira de Plantas e Flores e da Feira Tom Jobim, todas da regional Centro-Sul. 

Além dessas, também estão incluídos os feirantes já licenciados no Programa Jornada Produtiva nas feiras Novo Tirol, Sagrada Família, Comendador Negrão de Lima, Duque de Caxias, Praça Diogo de Vasconcelos, São Gabriel, Floramar, Buritis, Jaraguá e Praça da Economia, os feirantes licenciados das Feiras Modelo Savassi e Santo Agostinho também vão receber as cestas. Ambulantes licenciados com veículos automotores também serão beneficiados. 

Mulheres que tiveram medidas protetivas estabelecidas a partir de 2019 também receberão a cesta. Serão 7.474 mulheres, definidas a partir dos dados da Coordenadoria da Mulher em Situação de Violência Doméstica e Familiar do Tribunal de Justiça de Minas Gerais (Consiv-TJMG). 

A prefeitura tem distribuído cestas básicas desde o mês de abril. Cerca de 380 mil cestas foram entregues a alunos da rede municipal de ensino e famílias em situação de vulnerabilidade social do município. 

Para saber se tem direito ao beneficio, é só acessar ao site da prefeitura a partir da próxima semana. A retirada das cestas é feita diretamente na rede de supermercados parceira pela titular do cadastro com apresentação de documentos de identificação e número de voucher gerado a partir da consulta ao site. 

Fonte: G1

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado